terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Campanha promove reflexão contra bullying nas escolas


Estão abertas as inscrições para o seminário de lançamento da campanha Conte até 10 nas escolas - edição Rio Grande do Norte. Realizada pelo Ministério Público Estadual e a Secretaria de Estado de Educação, a campanha destina-se à educação do adolescente e do jovem para uma cultura de paz. O evento que marcará o lançamento da campanha será realizado no próximo dia 24 na sede da Procuradoria-Geral de Justiça.

Conte até 10 nas escolas é uma trabalho contra o bullying que parte dos estudantes sofrem diariamente dentro do ambiente de ensino. Idealizada originalmente pelo Ministério Público Federal, a campanha busca envolver a sociedade, em especial os jovens, em ações que fortaleçam a paz e o respeito entre os cidadãos. O foco na juventude justifica-se pela capacidade de transformação e de mobilização deste público e também porque o número de jovens vítimas de homicídios tem crescido assustadoramente nos últimos anos.

No RN, o Núcleo Estadual de Educação para a Paz e Direitos Humanos (NEEPDH), em parceria com a Subcoordenadoria de Ensino Médio (SUEM), organizam a interlocução do programa e as atividades junto as escolas estaduais. A ação é uma iniciativa do Conselho Nacional do Ministério Público, em parceria com a Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp), integrada pelo CNMP, Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e Ministério da Justiça.

O público alvo da campanha são os estudantes do Ensino Médio. As escolas interessadas em participar do lançamento devem realizar a inscrição on-line, seguindo o passo a passo que será mostrado pela página do Ministério Público Estadual. A secretária de Educação, profª Betania Ramalho fará parte da mesa de abertura, juntamente com representantes do poder judiciário e da Secretaria de Educação, como o coordenador do NEEPDH, João Maria Mendonça de Moura.

Utilidade pública:
Seminário de lançamento da campanha Conte até 10 nas escolas
Data: 24 de fevereiro de 2014 (9h)
Local: Procuradoria-Geral de Justiça (Rua Promotor Manoel Alves Pessoa Neto, nº 97, Candelária, Natal, RN)

Inscrições: clique aqui.

Correção de rumo da educação

O projeto "Correção do Rumo da Educação do Estado do Rio Grande do Norte" contempla, dentre outras iniciativas, o resgate e garantia dos direitos dos professores, negados por sucessivos governos na história recente do nosso Estado.

Dentre esses direitos destacamos o reajuste  salarial deste ano, 8,32%; a progressão horizontal e o novo porte das escolas, processos enviados ao Gabinete Civil para serem encaminhados para a Assembleia Legislativa. Todos os compromissos assumidos com o magistério estão sendo cumpridos com responsabilidade e a devida transparência.

Assim sendo, não reconhecemos a pauta de reivindicações do sindicato e lamentamos que a intolerância política-partidária de poucos,  mais uma vez, se volte contra o direito do estudante ter os  200 dias letivos.

Agradecemos aos professores e demais profissionais por terem permanecido exercendo suas atividades nas escolas. Agradecemos, ainda, a confiança depositada nesta gestão e o respeito aos nossos alunos e aos seus familiares.

Dra. Betania Leite Ramalho
Secretária de Estado de Educação do RN