quarta-feira, 28 de maio de 2014

Governadora visita obras do Centro de Educação Profissionalizante em Pitimbu


A Governadora Rosalba Ciarlini visitou nesta quarta-feira (28) a obra de construção do Centro Estadual de Educação Profissional e Tecnológica Prof. João Faustino, no bairro Pitimbu, acompanhada da Secretaria Estadual de Infraestrutura, Kátia Pinto e do Secretário Estadual Adjunto de Educação, Joaquim Oliveira.

A obra está com 80% dos serviços concluídos. 55 pessoas trabalham em toda obra. No prédio principal os trabalhos se concentram na aplicação de gesso, piso e guarda corpo.  Toda a parte de revestimento e instalação elétrica está pronta. O ginásio poliesportivo recebeu a estrutura metálica, restando o piso e o telhado para a finalização. Os laboratórios e auditório estão na fase de acabamento com a colocação de forro, pintura e piso. A conclusão geral da obra está prevista para o mês de outubro.


O Centro Tecnológico terá capacidade para ensino de 1500 alunos. Com estrutura para ensino em tempo integral, com conteúdo normativo e cursos profissionalizantes. O espaço inclui 12 salas de aula, laboratórios, ginásio poliesportivo, auditório, anfiteatro e refeitório. Investimento de R$ 6,5 milhões. “O regime de tempo integral vai permitir que os estudantes terminem o ensino médio com uma profissão, preparados para o mercado de trabalho, por isso teremos uma estrutura realmente completa”, disse a governadora.


Ao todo serão 10 Centros de Educação Profissional e Tecnológica em todo estado. Os outros estão sendo construídos na Zona Norte, no bairro do Parque dos Coqueiros; e em mais oito cidades do Rio Grande do Norte: Ceará-Mirim, Parnamirim, Macaíba, Extremoz, São Gonçalo, Alto do Rodrigues, Mossoró e Tibau do Sul. Os cursos profissionalizantes vão atender as demandas específicas onde as unidades estão sendo construídas. 

“Nós tivemos a preocupação de escolher as áreas que não são atendidas pelos institutos federais para dar oportunidade de ensino e profissionalização para ainda mais pessoas em todo estado, sem dúvida isso trará um salto para educação estadual”, disse o Secretário Estadual Adjunto de Educação.