terça-feira, 25 de junho de 2013

Edital de licitação da reforma do Atheneu será publicado em julho

A secretária de Estado da Educação, professora Betania Ramalho, anuncia para o próximo mês a publicação do edital de licitação da reforma e ampliação do Colégio Atheneu. Segundo ela, os projetos de recuperação e ampliação já foram concluídos pela engenharia da secretaria e até o final de julho o processo licitatório será aberto. A obra está orçada em dois milhões de reais.

“A nossa intenção era ter lançado o edital ainda no primeiro semestre, mas tivemos que fazer adequações no projeto de acessibilidade, pois o Atheneu é tombado pelo Patrimônio Histórico e não pode ter sua estrutura alterada. Com isso, as rampas de acessibilidade serão de madeira, revestidas por alumínio, e estarão acopladas às estruturas de alvenaria originais, sem alterar os traços arquitetônicos da escola.”, ressaltou a secretária.

De acordo com Betania Ramalho, haverá recuperação completa da estrutura, incluindo a renovação da rede elétrica e da tubulação hidrosanitária, que ainda é de ferro e será substituída por tubos de PVC. Também está incluída a reforma do ginásio de esportes e a construção, no pátio interno, de um recreio coberto, com cozinha e área para refeitório.

“A principal reforma do Atheneu, já estamos fazendo, que é a reforma pedagógica. Desde o início do ano, o quadro de professores está completo, foram feitas jornadas pedagógicas, oficinas de capacitação, uma verdadeira mudança no projeto pedagógico da escola. E para isso temos contado com o apoio irrestrito da nova diretora, Severina Targino, e dos professores, que estão mais envolvidos no processo de ensino e aprendizagem”, ressaltou a secretária.

Aproximadamente mil estudantes estão matriculados no Atheneu atualmente. Todos cursam o Ensino Médio Inovador, um modelo diferenciado de Ensino Médio, que garante mais recursos para o caixa da escola. Esses recursos financiam, por exemplo, oficinas elaboradas pelos professores, de letramento, reforço escolar, artes, ciências, entre outras, permitindo que os alunos permaneçam mais tempo na escola.

Além disso, no turno noturno, 23 turmas foram formadas para o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego – PRONATEC, desenvolvido por parceria do Ministério da Educação, Secretaria de Educação e entidades ofertantes dos cursos. No Atheneu, a entidade responsável pelos cursos profissionalizantes é a Escola Agrícola de Jundiaí, da UFRN. São 690 alunos matriculados no estudo regular durante o dia, que à noite retornam para as aulas do PRONATEC.

“A secretaria tem acompanhado de perto as atividades do Atheneu. Ao mesmo tempo em que estávamos elaborando os projetos de reforma e ultrapassando as barreiras burocráticas para uma recuperação tão complexa como essa, estivemos trabalhando fortemente para melhorar um ponto essencial da escola, que é a parte pedagógica. Agora vem o próximo passo, que é a reestruturação física. A nossa expectativa é que a obra seja iniciada até o final de outubro, se ocorrer tudo bem com a licitação. Montamos uma força tarefa para isso”, reforçou a secretária.

REFORMA DO DED
A secretária cita ainda que outra grande obra deverá ser iniciada no segundo semestre. “Além do Atheneu, estamos retirando do papel a reforma do Ginásio do DED, em Candelária. Iremos recuperar o piso e a cobertura, substituir a rede elétrica e hidráulica, reformar vestiários e banheiros, fazer a acessibilidade e a urbanização de todo o entorno. O valor da obra é de R$ 480 mil e o edital de licitação também deve ser publicado até o final de julho”, concluiu Betania Ramalho.