segunda-feira, 1 de abril de 2013

Programação do Cinquentenário de Paulo Freire começa nesta terça-feira



Começa nesta terça-feira (02), a programação das comemorações dos 50 anos da experiência de educação de jovens e adultos, desenvolvida pelo educador pernambucano Paulo Freire, no município de Angicos. A será lembrada pela Secretaria de Estado da Educação, em conjunto com a comissão do Projeto Paulo Freire 50 anos, com conferências e apresentações culturais que acontecem até a quarta-feira (03).

A programação do primeiro dia será aberta às 14h30, no auditório central do Campus Angicos da UFERSA, com apresentação do cordelista Hailton Mangabeira, assinatura da Ordem de Serviço para construção do Memorial Paulo Freire e lançamento do Pacto Paulo Freire pela Educação de Jovens e Adultos. Ainda no auditório, às 16h30, o ex-coordenador de círculo de cultura, Dr. Marcos José de Castro Guerra, fará conferência com o tema: “AS 40 HORAS DE ANGICOS: VÍTIMAS DA GUERRA FRIA?”

As atividades do primeiro dia serão encerradas em frente à Escola Estadual José Rufino, um dos locais onde ocorreu a experiência, a partir das 19h, com apresentações teatrais, círculo de cultura, exibição do filme “40 horas de Angicos” e documentário produzido pelo núcleo de referência da História e Memória da EJA/UFRN, com entrevistas a ex-alfabetizandos.

No segundo dia de evento, as atividades retornam para o auditório do Campus Angicos da UFERSA, onde haverá lançamento da Revista de Informação do Semiárido (RISA), numa Edição Especial intitulada “Angicos 50 anos depois do trabalho pioneiro de Paulo Freire nas 40 horas”, a partir das 8h. Logo após, os professores Moacir Gadott, do Instituto Paulo Freire, e Joaquim Alcoforado, da Universidade de Coimbra/Portugal  comandam mesa redonda sobre a influência de Paulo Freire nas práticas de Educação de Adultos no Brasil e em Portugal.

Haverá ainda, às 10h40, círculo de cultura, com relatos das experiências dos coordenadores dos círculos de cultura e educandos das 40 horas. Encerrando a programação, às 15h, a Câmara Municipal de Angicos concederá Títulos de Cicadão Angicano aos ex-coordenadores dos Círculos de Cultura e fará homenagens póstumas pela Câmara Municipal de Angicos, no auditório da UFERSA. Durante toda a programação também haverá, na UFERSA e na Escola Estadual José Rufino, exposição do Projeto Memória – Paulo Freire, da Fundação Banco do Brasil.

O filho do educador Paulo Freire, Lutgards Freire, virá ao evento, acompanhando o diretor do Instituto Paulo Freire, professor Moacir Gadott. Ambos desembarcam às 10h desta terça-feira (02), no Aeroporto Augusto Severo, e seguem viagem para Angicos, onde participam da abertura das comemorações.

A experiência freireana em Angicos ocorreu por iniciativa do então governador do Rio Grande do Norte, Aluísio Alves, que tinha como Secretário de Educação o jornalista Calazans Fernandes. Os dois tinham um ambicioso projeto de alfabetizar 100 mil pessoas no estado, em três anos. Embora a primeira experiência tenha ocorrido com sucesso, a aplicação do método Paulo Freire foi cessada com a chegada da Ditadura Militar.


PROGRAMAÇÃO COMPLETA

1º DIA (2 DE ABRIL)
14h30 - Auditório Central do Campus de Angicos

- Apresentação cultural: cordelista Hailton Mangabeira

- Abertura Oficial

- Assinatura da Ordem de Serviço para construção do Memorial Paulo Freire: Museu e Centro de Formação pelo Magnífico Reitor da UFERSA

- Lançamento do Pacto Paulo Freire pela Educação de Jovens e Adultos pela Secretária de Educação do Estado do RN, Prof.ª Betania Leite Ramalho e Instituições parceiras.

16h30 - Conferência com Dr. Marcos José de Castro Guerra (ex-Coordenador de Círculo de Cultura): AS 40 HORAS DE ANGICOS: VÍTIMAS DA GUERRA FRIA?

19h - Escola Estadual José Rufino
- Apresentação Cultural: Atração musical regional e apresentação da peça “Paulo Freire” (Alunos de escolas públicas estaduais. Direção do Prof. Cláudio Cavalcante).

- Exibição do filme as “40 Horas de Angicos” e Documentário produzido pelo Núcleo de Referência da História e Memória da EJA (NUHMEJA) da UFRN com entrevistas a ex-alfabetizandos.

- Círculo de Cultura

2º DIA (3 DE ABRIL)
Local: Auditório Central do Campus de Angicos

8h às 8h30 - Lançamento da Revista de Informação do Semiárido (RISA) – Edição Especial Angicos 50 depois do trabalho pioneiro de Paulo Freire nas “40 Horas”);

8h30 às 10h20 - Mesa Redonda: As 40 Horas de Angicos, Paulo Freire e sua influência nas práticas de Educação de Adultos no Brasil e em Portugal

Composição da Mesa: Prof. Dr. Moacir Gadotti (Instituto Paulo Freire/Brasil) e Joaquim Alcoforado (Universidade de Coimbra/Portugal); mediação: Prof.ª Rita Diana de Freitas Gurgel.

10h20 - Intervalo

10h40 às 13h00 - Círculo de Cultura: Relatos das experiências dos ex-Coordenadores dos Círculos de Cultura e ex-Educandos das 40 Horas

15h - Auditório Central do Campus de Angicos

Concessão de Título de Cidadão Angicano aos ex-Coordenadores dos Círculos de Cultura e homenagens póstumas pela Câmara Municipal de Angicos.