quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Secretária Betania Ramalho convida técnicos e educadores para o Dia do Servidor

A Secretária de Estado da Educação, professora Betania Ramalho, convida os servidores da Educação para a programação especial que vai comemorar o Dia do Servidor. Será nesta quinta-feira (25), a partir das 9h, no auditório Angélica Moura, da SEEC.

Inicialmente, haverá acolhimento com o Quarteto de Cordas da Orquestra Garibaldi Romano, seguido pela mensagem da secretária e por uma celebração ecumênica, com o tema “O Servir como sentido de vida”. Estarão presentes o padre Monsenhor Lucas, o pastor Klauber Maia e o irmão espírita Eden Hernesto. Encerrando a programação, haverá sorteio de brindes e coffeebreak. 

Matrículas de alunos com deficiência vão até sexta-feira (26) em Natal


Continua aberto até a próxima sexta-feira (26), o período de matrículas 2013 para os estudantes com deficiência que irão ingressar na rede estadual de ensino, em Natal. Para matricular-se em uma das 112 escolas estaduais da capital, o aluno ou responsável deve acessar o Sistema Integrado de Gestão da Educação – SIGEduc, através do endereço www.sigeduc.rn.gov.br e solicitar a matrícula. No ato da solicitação, poderão ser escolhidas duas opções de escolas. Essa é a primeira vez que o procedimento é feito pelo novo sistema.

Para os estudantes do interior, onde o SIGEduc deve chegar em 2014, a matrícula continua ocorrendo de forma presencial, com o aluno ou responsável se dirigindo para a própria escola. Fora da capital, o prazo é maior e vai até o dia 22 de novembro. É importante que os pais de alunos com deficiência matriculem os seus filhos nesse período para que a escola possa tomar algumas medidas.

De acordo com a subcoordenadora de Educação Especial da Secretaria de Estado da Educação, Márcia Pinheiro, as matrículas para os alunos com deficiência são antecipadas porque a unidade escolar precisa se preparar para recebê-lo. “Entre as medidas, os gestores precisam agendar a avaliação de ingresso do estudante, organizar as turmas de acordo com as normas do Conselho Estadual de Educação, solicitar o serviço de professor auxiliar e apoio da secretaria para assessorar a equipe pedagógica, estudantes e familiares, quando necessário”, ressaltou a professora.

Ainda com base na demanda, Márcia Pinheiro cita que a secretaria planeja cursos de capacitação, para responder às necessidades apresentadas na aprendizagem do estudante, confecciona material didático adequado e necessário, disponibiliza apoio pedagógico para o estudante surdo, bem como instrutor e intérprete de LIBRAS, e providencia melhores condições de acessibilidade, observando as necessidades de cada um.

Uma informação importante para os pais de alunos com deficiência é que este ano a Secretaria de Educação de Natal também abriu o seu período de matrículas para esse público de acordo com o período das escolas estaduais. Isso significa que as matrículas para os estudantes com deficiência que irão ingressar na rede municipal de Natal também se encerram na próxima sexta-feira (26) e devem ser feitas de forma presencial nas escolas municipais.

Educação do Estado participa da CIENTEC com projetos de iniciação científica


 Os alunos da rede estadual de ensino vão participar da Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura – CIENTEC, da UFRN, com 48 projetos de iniciação científica. Intitulado RN Ciência, o projeto ocupará 19 estandes de um pavilhão organizado pela Secretaria de Estado da Educação, que reunirá escolas de todas as regiões do Rio Grande do Norte. As dezesseis Diretorias Regionais de Educação – DIRED, foram mobilizadas para o evento, que começa nesta terça-feira (23), e vai até o próximo sábado (27).

De acordo com o presidente da Comissão Organizadora do RN Ciência, Edmilson Simplício, os projetos selecionados para a CIENTEC, foram submetidos a avaliadores da secretaria sob critérios de capacidade criativa, pensamento científico, minunciosidade, habilidade, clareza e valor espetacular relativo, geralmente utilizados em feiras da área. “Esses mesmos critérios serão usados para selecionar os cinco melhores projetos do RN Ciência”, ressaltou Edmilson.

Esse é o segundo ano que os alunos do Estado participam da CIENTEC, através da Mostra de Iniciação ao Conhecimento Científico, Tecnológico e Cultural, RN Ciência. Nessa edição, além do pavilhão com os projetos científicos, haverá um segundo pavilhão para apresentações culturais de estudantes da rede, e um auditório com capacidade para 100 pessoas, onde serão oferecidas palestras e oficinas pedagógicas para professores e alunos.

Segundo a secretária Betania Ramalho, a iniciação científica deve ser cada vez mais estimulada ainda na Educação Básica. “E a Secretaria de Educação tem buscado fazer isso em suas escolas, incentivando professores e gestores a promoverem atividades na área. Os resultados são animadores. Já tivemos alunos conquistando prêmios nacionais e internacionais e, agora, novos grupos selecionados para a FEBRACE e um importante Fórum Científico em Londres”, ressaltou Betania.

Abertura da CIENTEC reúne professores e alunos do Estado


 Alunos, professores, técnicos e gestores da Secretaria de Estado da Educação participaram na manhã desta terça-feira (23), da abertura da Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura – CIENTEC, da UFRN. O evento ocorreu no auditório da reitoria da universidade e contou ainda com a presença do secretário-adjunto da Educação, professor Joaquim Oliveira, da reitora Ângela Paiva, e da presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte – FAPERN, Maria Bernadete.

No total, 19 estandes serão ocupados por alunos inseridos na educação estadual, representando as 16 Diretorias Regionais de Educação – DIRED. Além disso, haverá um auditório de cursos e oficinas para alunos e professores, e um pavilhão para apresentações culturais dos alunos da rede. Para Joaquim Oliveira, a participação desses alunos é um estímulo à pesquisa aplicada e à ciência. “Eles podem aprender e mostrar a comunidade em que vivem as soluções para problemas apresentados, além de terem a convivência do ambiente acadêmico, o que estimula a inserção deles na universidade”, falou o professor.

Quem reafirma a fala do secretário é o aluno Antônio Erizonaldo de Oliveira, 19, da Escola Estadual Sinval Moreira Dias, que participa pela primeira vez da CIENTEC. Em um dos estandes, ele vai apresentar um trabalho de transmissão de energia sem fio, elaborado em conjunto com três colegas e um professor orientador. “Adquirimos o conhecimento e agora vamos passar para as pessoas o que fizemos. Não deixa de ser um intercâmbio que pode fazer surgir novas ideias para futuros projetos”, disse o estudante.

Aproveitando a temática do evento este ano, Energias Renováveis e Mudanças Climáticas, a presidente da FAPERN, professora Maria Bernadete, lembrou que o mês de outubro é o da ciência e tecnologia no Brasil e fez menção para a capacidade que o Estado tem para desenvolver projetos na área. “A CIENTEC é uma vitrine para o Estado desenvolver-se economicamente e socialmente de acordo com as pesquisas na área de energia renovável”, alertou.

A reitora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, professora Ângela Paiva, falou que a CIENTEC atingiu a maioridade em grande estilo, com o financiamento da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). “Isso faz com que o evento seja reconhecido nacionalmente”, concluiu a reitora, abrindo oficialmente o evento que deve reunir até 100 mil pessoas até o próximo sábado (27).