quinta-feira, 18 de outubro de 2012

SIGEduc: Matrículas 2013 começam para alunos com deficiência


O Governo do Estado inicia nesta sexta-feira (19), o período de matrículas antecipadas para os estudantes com deficiência que irão ingressar na rede estadual de ensino em 2013. Pela primeira vez, o cadastro dos alunos será feito pela internet, através do novo Sistema Integrado de Gestão da Educação – SIGEduc. Para marcar a abertura das matrículas 2013, a secretaria de Estado da Educação, Betania Ramalho, receberá a imprensa, a partir das 8h30 desta sexta, no auditório da Escola Estadual Edgar Barbosa, em Natal. No local, haverá apresentação do sistema e demonstração de matrículas com a presença de pais de alunos e diretores das maiores escolas da capital.

A ferramenta foi customizada a partir do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas – SIGAA, da UFRN, que cedeu os direitos para que fosse utilizada na Educação Básica do Estado. Entre 1º e 17 de outubro de 2012, quando entrou em operação o SIGEduc, as escolas da rede estadual de Natal, após treinamento, inseriram no sistema um levantamento detalhado com a quantidade de turmas que serão abertas em 2013 e o número de vagas para cada turma. Esse foi o primeiro passo para que as matrículas fossem iniciadas.

Para a secretária Betania Ramalho, o início das matrículas do SIGEduc é um marco na história da Educação do Rio Grande do Norte. “O sistema vai causar um grande impacto na cultura de gestão da secretaria e, principalmente, das escolas. Estamos saindo da era do papel e da caneta, para a era digital. Somos pioneiros na área da Educação Básica. Tanto que o Ministério da Educação está apostando nessa ideia para levar o SIGEduc do Rio Grande do Norte à outros estados do país”, ressaltou.

A secretária chama a atenção dos pais de alunos com deficiência do interior, onde o SIGEduc só começa a operar em 2014. Fora da capital, as matrículas para estudantes com deficiência serão realizadas de maneira presencial, entre os dias 19 de outubro e 22 de novembro. “Como todo sistema que está começando, o SIGEduc precisa passar por uma avaliação inicial. As escolas de Natal serão as primeiras a testá-lo, até que o sistema seja levado a todas as cidades do Estado.”, concluiu Betania Ramalho.

O SIGEduc integrará as escolas da rede estadual e vai possibilitar aos alunos, professores, gestores e familiares o acesso aos recursos e às informações relacionadas às rotinas escolares. Até 2014, quando estiver funcionando plenamente, o aluno fará não apenas sua matrícula online, mas acompanhará suas notas e frequências, os conteúdos curriculares, poderá interagir com os professores e outros alunos da turma, receberá comunicados e terá acesso aos dados e mapas de localização da sua escola.

Entre os principais benefícios também estão o aplicativo Diário de Classe para tablets, transparência e acesso aos dados escolares, mapa georeferenciado, com localização das escolas da rede por mapas e rotas de transporte coletivo escolar, dados sobre a vida escolar do aluno e perfil dos professores, por escola, organização das turmas de alunos por série e modalidades de ensino, vagas disponíveis por escola, reordenamento e enturmação de alunos e acesso ao Diário de Classe.

O endereço eletrônico para acessar o sistema é o www.sigeduc.rn.gov.br. Mesmo quem não está inserido na comunidade escolar pode conferir algumas funcionalidades, como a consulta às escolas por bairro, distrito ou município, consulta de unidades escolares próximas a sua residência, com a possibilidade de indicação de rotas para se chegar ao local, e visualização do mapa de unidades por todo o Estado. Para a população em geral, o SIGEduc também servirá de portal da transparência da Educação, onde futuramente serão publicadas informações do censo escolar, investimentos, reformas e construções, transporte e merenda escolar, entre outros dados.

Quem acessar o endereço ainda vai conferir o calendário detalhado de matrículas do SIGEduc para as escolas de Natal. Os novos alunos com deficiência devem se matricular entre 19 e 26 de outubro. Entre os dias 10 e 14 de dezembro, será aberto o período de renovação automática dos estudantes veteranos da rede estadual. Entre 14 e 16 de janeiro de 2013 será a vez da transferência automática dos alunos da rede estadual e municipal. Já a transferência por interesse próprio deve acontecer entre 18 e 21 de janeiro. Por fim, de 2 a 11 de fevereiro serão realizadas as matrículas dos novos estudantes. Lembrando que os alunos do interior terão um calendário diferenciado, para realizarem suas matrículas de forma presencial.

Alunos da rede estadual conquistam primeiro lugar em concurso da Justiça Eleitoral


Dois alunos da rede estadual conquistaram o primeiro lugar no prêmio “Luz, Câmera, Sou Cidadão”, da Escola Judiciária Eleitoral, ligada ao Tribunal de Justiça do Estado. Paulo Henrique Gomes e Daniel Augusto, da Escola Estadual Capitão Mor Galvão, em Currais Novos, superaram até mesmo estudantes da rede privada, com o vídeo “Meu voto consciente”.

Os estudantes foram orientados pela professora Irene Maria Medeiros, que tem procurado estimular a produção de vídeos na escola. “Foi o melhor presente que eu poderia ganhar no dia do Professor. É o reconhecimento a um trabalho que a escola pública tem feito para colocar seus alunos no patamar que eles merecem.”, ressaltou a professora.

Quem também comemorou o resultado foi a secretária de Estado da Educação, Betania Ramalho. “Essa é mais uma conquista que mostra a capacidade de nossos estudantes se posicionarem de igual para igual com os estudantes da rede privada, desde que haja estimulo e incentivo dos professores, dos gestores e apoio da secretaria. Parabéns a todos que estiveram envolvidos.”, falou a secretária.

O segundo lugar do concurso ficou com o vídeo “Exercendo a Cidadania”, produzido pela estudante Laura Oliveira de Morais, do Colégio Henrique Castriciano, de Natal, e o terceiro lugar, com o aluno Matheus Vinícius Ribeiro, do Colégio Contemporâneo, que produziu o vídeo “Eu voto, tu roubas, nós somos os culpados?”.

O concurso de vídeos “LUZ, CÂMERA, SOU CIDADÃO”, foi destinado aos alunos dos ensinos fundamental, médio e EJA das redes pública e privada do Rio Grande do Norte. O objetivo era estimular a utilização de tecnologias acessíveis aos alunos, como celulares e smartfones, para produção de pequenos vídeos amadores que abordassem temas como "importância do voto, "combate à corrupção eleitoral" e "conscientização política".