domingo, 3 de junho de 2012

Biblioteca da Zona Norte realiza encontro de leitura

Acontece a partir desta terça-feira, 5, o  segundo Encontro de Leitura do Centro de Estudos e Biblioteca Escolar Professor Américo de Oliveira Costa, na Zona Norte de Natal. O evento tem como tema as novas perspectivas de leituras na sala de aula e vai oferecer oficinas gratuitas para professores da Educação Básica e gestores de bibliotecas.

Entre os objetivos do encontro, que acontece até a quarta-feira, 6, está a complementação e o fortalecimento das ações escolares, para estimular a leitura e semear suas mais diversas formas, promovendo a formação de leitores críticos e participativos.

Haverá oficinas de música, poesia, teatro, quadrinhos, psicomotricidade, organização de bibliotecas, danças populares, literatura infantil, artes visuais, pintura e novas mídias como recurso pedagógico. As inscrições podem ser feitas até a abertura das atividades, no prédio da biblioteca, que fica localizada à Avenida Itapetinga, 1430, Santarém. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3232.7396.

HORÁRIO DAS OFICINAS

Terça-feira, 05/06
8h às 11h30 – Música, Pintura e Organização de Bibliotecas
14h às 17h30 – Poesia, Psicomotricidade, Quadrinhos e Organização de Bibliotecas
19h às 21h30 – Literatura Infantil

Quarta-feira, 06/06
8h às 11h30 – Poesia, Psicomotricidade e Quadrinhos
14h às 17h30 – Música, Pintura, Artes Visuais, Teatro e Danças Populares
19h às 21h30 – Novas Mídias como recurso pedagógico

Prêmio para quem ensina a ensinar

Incentivar quem ensina a ensinar é a missão do Prêmio Professor Rubens Murillo Marques, promovido pela Fundação Carlos Chagas, que está com as inscrições abertas até o dia 15 de agosto. Pelo segundo ano consecutivo, o concurso busca revelar os melhores trabalhos realizados por professores de Licenciatura na formação de docentes para o ensino básico.

Em 2008, uma pesquisa da Fundação Carlos Chagas apontou que as disciplinas voltadas à discussão da prática em sala de aula e às didáticas específicas representam, na maioria dos casos, apenas 30% da carga horária dos cursos de licenciatura. “Além disso, o formador de professores nem sempre recebe o apoio necessário para realizar seu trabalho. Nós temos, inclusive, do ponto de vista social, prêmios para professores da educação básica e gestores, mas ninguém se lembra do formador", aponta Bernadete Gatti, pesquisadora da FCC.

Podem ser inscritas as experiências concluídas entre janeiro do ano passado e junho deste ano. Os trabalhos precisam ser comprovados por documentos, como relatórios de obtenção de créditos na disciplina em questão, avaliações e provas aplicadas durante a execução do projeto, depoimentos em vídeo dos participantes ou atividades realizadas pelos alunos do ensino básico.

O julgamento será feito por uma Comissão de Especialistas, constituída pela FCC, que vai avaliar os trabalhos conforme a adequação entre os objetivos e as ações desenvolvidas na busca pela aprendizagem. Serão contemplados até três indicados e cada um receberá um prêmio de R$ 30 mil, diploma, troféu e publicação do projeto premiado na coleção Textos FCC e no site da Fundação. As inscrições devem ser feitas pelo site www.fcc.org.br/premioprofessorrubnesmurillomarques.

SEEC quer reunir Estado e Municípios em Sistema Único de Educação

A Secretaria de Estado da Educação realiza entre os dias 5 e 6 de junho, no auditório do Hotel Praiamar, em Natal,o primeiro Seminário Estadual de Articulação com os Sistemas de Ensino do Rio Grande do Norte. O objetivo é fomentar o regime de colaboração entre Estado e Municípios, pactuando políticas e estratégias comuns, colaborar para a criação do Sistema Único de Educação e construir um padrão de qualidade educacional no Estado.

Nesta terça-feira, 5, a programação começa às 8h30 com o credenciamento e a entrega do material. Das 9h ao meio-dia haverá palestra com o professor Antônio Roberto Lambertucci, diretor da SASE/MEC, sobre “Valorização e Profissionalização do Magistério”. Das 14h às 15h, a secretária de Educação, Betania Ramalho, faz palestra com o tema: “Articulação Estado e Municípios: Educação Básica como responsabilidade de todos.” As atividades do primeiro dia serão encerradas com uma reunião para discutir as competências e demandas da nova Coordenadoria de Articulação com os Sistemas de Ensino da SEEC, que acontece das 15h às 17h.

Na quarta-feira, 6, também haverá palestra sobre “Valorização e Profissionalização do Magistério”, com o Secretário Nacional de Articulação com os Sistemas de Ensino, do Ministério da Educação, Arnóbio Marques. Das 14h às 17h, encerrando o seminário, será a vez da diretora da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Isabel Pessoas, falar sobre Formação Docente na Educação Básica.

Participam do evento secretários municipais de Educação, membros do Fórum Estadual de Formação Continuada, representantes da União Nacional dos Dirigentes da Educação (UNDIME) e técnicos da SEEC.

SEMINÁRIO MARCA CRIAÇÃO DA COASE
A Conferência Nacional da Educação Básica/2008 definiu, com base em princípios constitucionais, a criação do Sistema Nacional de Educação. Além de garantir diretrizes educacionais comuns a todo o território nacional, mantendo as especificidades de cada unidade federativa, o Sistema Nacional de Educação favorece a efetivação do regime de colaboração entre União, Estados e Municípios.

Nesse sentido, a exemplo do que aconteceu no âmbito federal, com a criação da Secretaria de Articulação com os Sistemas de Ensino (SASE), pelo Ministério da Educação, a Secretaria de Estado da Educação do Rio Grande do Norte toma a iniciativa de instituir a Coordenadoria de Articulação com os Sistemas de Ensino (COASE).

De acordo com a professora Rosângela Holanda, responsável pela COASE, essa iniciativa concorre para a instauração de uma base de interconectividade dos atuais sistemas, seus Conselhos e Planos Educacionais, que são os principais instrumentos de gestão desses sistemas, respeitando a autonomia de cada ente federativo e fortalecendo a criação de um Sistema Nacional Articulado de Educação.