quinta-feira, 3 de maio de 2012

Jogada criativa contra a Dengue

A ideia de uma professora transformou a rotina dos alunos de 6º ao 9º do Ensino Fundamental da Escola Estadual Rômulo Wanderley, na Zona Norte de Natal. Ela desenvolveu um jogo educativo com atividades preventivas e informativas contra a Dengue. Agora, até mesmo os alunos que demoravam a voltar para a sala de aula após o fim do recreio não veem a hora da atividade começar. Eles aprendem brincando.

Essa não é a primeira vez que a pedagoga Mytercia Bezerra da Silva desenvolve uma atividade educativa diferente. Em dezembro de 2011, ela chegou a receber, em Brasília, o Prêmio Professores do Brasil, do Ministério da Educação, com um projeto voltado para a Educação Sexual. Desta vez, o tema é a prevenção à uma velha conhecida dos brasileiros, a doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti.


Iniciativa da professora foi destaque em várias reportagens


De acordo com a professora, o projeto surgiu pela necessidade de criar mecanismos que aumentem o interesse do aluno pela escola e diminuam o índice de evasão escolar, principalmente nos anos finais do Ensino Fundamental. Nesse período, os estudantes sofrem muito com a falta de acompanhamento dos pais, o envolvimento com drogas, e esse tipo de atividade auxilia a escola nesse combate.


Mytercia Bezerra falou que os estudantes receberam bem a ideia e que não esperava tamanha receptividade. Os alunos mais dispersos são os primeiros a chegar após o intervalo e acabam tornando-se agentes multiplicadores da prevenção à Dengue, pois o projeto não fica restrito à sala de aula.


Ela explica, ainda, que o jogo é apenas uma forma de atrair o aluno para a temática e que avançar nas casas do tabuleiro é somente a primeira etapa da atividade. Segundo a professora, os estudantes também precisam elaborar paródias, vídeos, fábulas, apresentações de dança e teatro, voltadas para o tema. Uma equipe do Corpo Acadêmico da escola foi formada especificamente para avaliar esses trabalhos e selecionar os melhores, que serão premiados no dia 5 de maio.



Melhores trabalhos serão premiados